O megajulgamento das cartas de condução começou hoje em Bragança com a ausência de perto de 40 dos 111 arguidos numa primeira sessão dedicada essencialmente a questões processuais e identificação dos acusados. Os ausentes por motivos de doenças, permanência no estrangeiro ou carência económica são candidatos à carta de condução que o tribunal aceitou que não compareçam sem que sejam multados, mas não os dispensou, apelando mesmo a se apresentem espontaneamente numa data que lhes convenha. SIC Notícias